testo 10 alimentos ótimos para a memória

10 alimentos ótimos para a memória

Clique aqui e veja como nossos produtos podem ajudar.

Uma tarefa, um nome, um rosto, uma data importante. Essas e muitas outras pequenas (e grandes) coisas da vida podem ser muito prejudicadas por uma memória ruim. Além do avanço da idade, do cansaço e do estresse, uma alimentação deficiente pode influenciar nos esquecimentos do dia a dia.

Um dos nutrientes necessários para um cérebro mais ativo e que se lembra melhor das coisas é o ômega 3. “Ele é o maior responsável pela saúde mental”, afirma a nutricionista Sonja Salles. A seguir, você confere algumas fontes dessa substância e outras importantes para ter uma memória cada vez melhor.

Quinoa

Cultivada em países andinos, a quinoa (ou quinua) é um superalimento, de acordo com Sonja. Entre seus nutrientes estão a proteína, o ferro, o cálcio, as vitaminas do complexo B e o ácido graxo ômega 3, que compõe a membrana externa das células cerebrais, sendo essencial para uma troca rápida de mensagens no cérebro.

Linhaça

Dourada ou marrom, a linhaça costuma ser apontada como forte aliada do emagrecimento, pelo seu poder de saciar quem a consome. No entanto, por ser rica em ômega 3, ela também é muito boa para aqueles que desejam dar um “up” na memória.

Chia

A chia, semente típica do México, tem o dobro de ômega 3 contido na linhaça. Por também ser rica em fibras, cálcio e ferro, ela é uma grande aliada na dieta, no processo anti-inflamatório do corpo e de melhora da concentração e memória.

Salmão

Entre as carnes, o salmão é uma ótima fonte de ômega 3 e, por isso, tem um grande potencial para melhorar o desempenho cognitivo e o funcionamento do cérebro, para gravar informações.

Morango

Não é apenas o ômega 3 que ajuda na memória. A fisetina, encontrada no morango, por exemplo, é outro nutriente que desempenha um papel importante nas lembranças.

Tomate

Assim como o morango, o tomate é rico em fisetina, o que contribui para uma melhora significativa da memória. Além desse nutriente, ele ainda possui licopeno, antioxidante que reduz os danos causados às células pelos radicais livres e previne doenças como o câncer.

Uva

Para os esquecidos, as uvas são frutas bastante benéficas, pois, além de terem fisetina, como o tomate, as vermelhas e roxas são ricas em flavonoides. Ambas as substâncias são importantes porque protegem o sistema nervoso, influenciam na regulação da morte de neurônios e na regeneração dessas células.

Chás verde, branco e vermelho

Outras opções de fontes de flavonoides, que ajudam no desenvolvimento e recuperação da memória, são os chás verde, branco e vermelho, que possuem efeitos similares aos da uva e demais opções.

Carne de fígado

A vitamina B12 é um dos compostos indispensáveis para a formação do sangue, o bom desenvolvimento do sistema nervoso e na prevenção de doenças do coração e do cérebro, como o derrame.

Ovo

Saúde mental, melhor aprendizado e memória boa são alguns dos efeitos positivos da colina, substância presente na gema do ovo, segundo estudos.